o que faz um operador de caixa

Operador de caixa: o que faz, quanto ganha e como se tornar um

O profissional responsável pelo último atendimento feito dentro de uma loja é o operador de caixa

Mas não é só no comércio que esse cargo é necessário e suas responsabilidades dentro da empresa vão muito além de registrar a venda de produtos e cobrar clientes.

Qualquer empreendimento que comercialize seus produtos ou serviços ao público presencialmente em um estabelecimento físico necessita desse profissional específico.

A seguir, veja todas as informações sobre a profissão operador de caixa, o que faz, quanto ganha e como se tornar um.

O que faz um operador de caixa?

o que faz um operador de caixa

O operador de caixa registra mercadorias em um ponto de venda e recebe o pagamento do cliente. Além disso, é responsável pelo atendimento ao cliente, especialmente daqueles que acabaram de efetuar uma compra. 

Nesse cargo, a pessoa irá registrar corretamente no caixa todos os produtos comprados e informar e cobrar o valor final ao cliente, recebendo o dinheiro e emitindo a nota fiscal

Como o último atendimento feito dentro de uma loja é feito pelo operador de caixa, ele é essencial para passar uma boa impressão do estabelecimento. 

Sem contar que, por cuidar de praticamente toda movimentação financeira do negócio e do controle de estoque, é peça fundamental.

Por tudo isso, a pessoa precisa ter algumas habilidades para ser um bom operador de caixa, como muita atenção e comprometimento, noção matemática, agilidade, facilidade em lidar com o público, cordialidade, paciência, organização, entre outras.

Um operador de caixa pode trabalhar nos mais diversos tipos de estabelecimento, principalmente no setor de comércio. Mas vai além disso. A profissão é extremamente necessária em outras locais que trabalham com vendas. Veja alguns exemplos:

  • mercados 
  • lojas em geral
  • empresas de aviação e aeroportos
  • pedágios
  • show e eventos em geral
  • bares e boates
  • livrarias

Como se tornar um operador de caixa?

Não é necessário curso superior ou técnico para se tornar um operador de caixa, mas são recomendados cursos profissionalizantes para que tenha um maior desenvolvimento e mais oportunidades no mercado de trabalho. 

Ter ensino médio completo é um requisito bastante exigido nessa função. Segundo o site Vagas.com, é a formação mais comum para contratações de operador de caixa.

Normalmente, é preciso conhecimento intermediário sobre conceitos de informática como digitação, Word, Excel e softwares de gestão financeira.

Também é necessária facilidade com contas e matemática, por isso, pode ser válido investir em conhecimento nessa área.

Indo além da formação formal, para ser um bom operador de caixa são essenciais algumas habilidades que já mencionamos, como atenção, agilidade, simpatia e paciência. 

Quanto ganha um operador de caixa?

Segundo uma das maiores plataformas de gerenciamento de vagas de emprego do país, a Catho, o salário inicial de um operador de caixa, na média do país, é de R$ 1.068,38

Mas, segundo o Vagas,com, o salário pode ser substancialmente mais alto na medida em que o profissional tiver mais experiência ou qualificação.

Em um levantamento divulgado pelo site, o salário médio de um operador de caixa é mais alto que o inicial, sendo em torno de R$ 1.242,00. No entanto, há quem ganhe R$ 1.422,00 com nível mais alto. Veja o gráfico:

quanto ganha um operador de caixa

O Catho mostra, ainda, que os Estados que pagam os salários mais altos para este profissional são Santa Catarina, São Paulo e Paraná, respectivamente.

Como se qualificar?

Para ser um operador de caixa, não é preciso formação especializada, como vimos, por isso, é uma ótima oportunidade de entrar no mercado de trabalho ou mesmo em uma empresa que você admira.

Como é uma área que tem contato direto com outras, principalmente da área administrativa, na medida em que você mostra suas habilidades e, principalmente, se profissionaliza, as oportunidades de crescimento e desenvolvimento são enormes.

Tem curso específico para operador de caixa, voltado à informática e também à área comercial, mas também mais avançados de Administração, em que você pode se especializar em gestão de pessoas ou informática administrativa.

Opções de cursos profissionalizantes não faltam e você nem precisa sair de casa ou até mesmo pode aproveitar o intervalo do trabalho para estudar, pagando pouco e multiplicando as duas oportunidades.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail e turbinar seus estudos!

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.